"Depois de tantas buscas, encontros, desencontros, acho que a minha mais sincera intenção é me sentir confortável, o máximo que eu puder, estando na minha própria pele É me sentir confortável, mesmo acessando, vez ou outra, lugares da memória que eu adoraria inacessíveis, tristezas que não cicatrizaram, padrões que eu ainda não soube transformar, embora continue me empenhando para conseguir.” Ana Jácomo

Seguidores

agosto 30, 2021

Ana Jácomo


"Depois de tantas buscas, encontros, desencontros, 
acho que a minha mais sincera intenção é me sentir confortável, 
o máximo que eu puder, estando na minha própria pele
 É me sentir confortável, mesmo acessando, vez ou outra, 
lugares da memória que eu adoraria inacessíveis,
 tristezas que não cicatrizaram, 
padrões que eu ainda não soube transformar, 
embora continue me empenhando para conseguir.”



agosto 10, 2021

Será???

Ódio produz casamentos duradouros. 
O ódio não suporta a idéia de ver
 o outro voando livre, para longe... 
O ódio segura, para que o outro não seja feliz.
 O ódio gruda mais que amor. 
Porque o amor deixa o outro voar...

Rubem Alves



 

Verão saudades...


julho 22, 2021

"Não seria a música uma língua perdida, da qual esquecemos o sentido e conservamos apenas a harmonia?" Massimo Azeglio

Rubem Alves

Ler rapidamente aquilo que o autor levou anos para pensar é um desrespeito. É certo que os pensamentos, por vezes, surgem rapidamente, como num relâmpago. Mas a gravidez é sempre longa. Há frases que resumem uma vida. Por isso é preciso ler vagarosamente, prestando atenção nas idéias que se escondem nos silêncios que há entre as palavras. Eu gostaria que me lessem assim. Quer eu escreva como um poeta, no esforço para mostrar a beleza, ou como palhaço, no esforço para mostrar o ridículo, é sempre a minha carne que se encontra nas minhas palavras.