JellyPages.com
"É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer, porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo". Clarice Lispector

Seguidores

dezembro 19, 2014

Clarissa Corrêa


"De alguma maneira eu me perdi.
 E acho que precisei me perder para encontrar 
ou reencontrar algumas coisas que ficaram por aí, 
em cantos, túneis, papéis velhos. 
Talvez eu precisasse justamente encontrar
 umas partes soltas dentro de mim."

2 comentários:

  1. Hummmm lindo o poema.... a Clarissa consegue mostrar de um jeito próprio todas nossas desventuras....
    Ótimo post Sophysticada.....

    ResponderExcluir