JellyPages.com
"É curioso como não sei dizer quem sou. Quer dizer, sei-o bem, mas não posso dizer. Sobretudo tenho medo de dizer, porque no momento em que tento falar não só não exprimo o que sinto como o que sinto se transforma lentamente no que eu digo". Clarice Lispector

Seguidores

novembro 04, 2012

às vezes...



“Às vezes a vida nos diz: Avança 
Outras vezes, ela nos diz: Recua 
Outras vezes, ela nos diz: Espera 
Às vezes a vida nos diz: Sim 
Às vezes: Não 
Outras vezes: Talvez 
O problema é que nem sempre somos capazes de entender os sinais. 
Avançamos quando é hora de recuar. 
Acomodamo-nos quando é hora de avançar. 
Tomamos por um não aquilo que seria apenas um necessário tempo de espera". 

Desconhecido

13 comentários:

  1. E é justamente por isso que somos "humanos". Até o não entender faz parte do nosso crescimento, do nosso aprendizado e da nossa vivência. Eu acho que seria monótono demais se acertássemos sempre.
    Seria tudo muito previsível e a própria poesia viraria um mera equação matemática.


    Bjokas do In_

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kerido In,

      Concordo com vc... Sou terrívelmente humana, rs

      Bjk@s

      Excluir
  2. Por vezes tenho alguma dificuldade em interpretar os sinais da vida, assumo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu com certeza a maioria das vezes, kerido Lynce....

      Bjk@s

      Excluir
  3. Oi minha amada!

    Belo texto que nos leva a reflexão :)
    Mas como o In disse tão bem, seria muito monótono se acertássemos sempre.

    A vida não teria graça se tivéssemos um manual com todas as respostas, por isso precisamos arriscar sempre, mesmo quebrando a cara algumas vezes.

    Miaubeijos reflexivos rsrs, com muito carinho =^.^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amada Gatinh@!

      É verdade ainda bem q sou cheia de imperfeições...

      Bjk@s

      Excluir
  4. Lida agradecendo o selo
    e deixando uma imagem para cove em meu blog
    aromas de pessego para vc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hummmmm

      Q delicia adoro pessego... o cheiro o sumo... Fiquei com T, kkkkk

      Bjk@s

      Excluir
  5. São mudas as neblinas nesta ilha
    É de pobreza o pão que alimenta o meu sentir
    Oiço o mar com os meus próprios dedos
    Parti do desencontro dos meus derradeiros medos

    Parti e deixei no cais mil dúvidas
    Lembrei tempos que corri feliz pelas amoras
    Nesses dias bebi sofregamente a vida
    Nesses dias a minha alegria era incontida

    Uma radiosa semana


    Doce beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kerido Profeta, estou em falha contigo vou lá te visitar pq faz muito bem ao meu coração tanta poesia...

      Bjk@s

      Excluir
  6. Oie querida!Avida é assim mesmo,hora uma coisa ,hora outra,agimos com instinto!bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aldrey Ma-ra-vi-lho-sa!

      Mulher forte e linda... Te admiro tanto,agradeço a Tonh@ ter me apresentado a vc...

      Bjos no seu <3

      Excluir
  7. E nessa de não saber a hora certa das coisas muitas vezes quebramos a carinha rs
    Isso sempre acontece comigo!!!

    Amiga cai da cama sim rs, e levantei com um tesão enoooormeeee rsrs Etâ coisa boua, e fui brincar hehehehe
    Jajá as coisas se normalizam as vezes minha casa tbm pira e quem não pira néh mesmo?!
    Beijos querida Sophys.... e bem bem acordados hoje hehehehe ❤

    ResponderExcluir